ENFERMAGEM

O Curso

Autorização de funcionamento e criação do Curso: Autorizado pela Portaria Ministerial nº 413 de 24/03/2009
Reconhecimento do Curso: Portaria nº 492 de 29/06/2015
Vagas oferecidas no Vestibular: 100
Contato:coord.enf@faculdadeunilagos.edu.br


ENFERMAGEM: UMA PROFISSÃO DE GENTE QUE CUIDA

Escolher um curso universitário é muito difícil para os jovens que pretendem desenvolver seus estudos em uma universidade. Por vezes achamos que não temos mais idade ou capacidade física e mental para nos aventurarmos nos caminhos inquietantes da vida universitária.

 

Qual o caminho, portanto, a seguir? Qual a carreira que devo escolher?

De certo, a resposta mais correta será aquela que preencher seu coração e sua mente com a certeza de que a escolha tornará você uma pessoa mais útil para a sociedade que vive. Dos diversos caminhos possíveis para a construção de uma profissão universitária, ao escolher a Enfermagem, você deverá estar atento para a importância do papel que pretende desempenhar na sociedade atual. Você encontrará uma população ansiosa por ter acesso aos serviços mais elementares da saúde, que por vezes ela não tem acesso.

A enfermagem é definida pela Enfermeira Maria José de Lima, em 1993, como sendo uma “é ciência e arte”, e que se baseia “num corpo de conhecimentos e práticas abrangendo do estado de saúde ao estado de doença, e mediada por transações pessoais, profissionais, científicas, estéticas, éticas e políticas do cuidar de seres humanos”.

A professora Wanda de Aguiar Horta afirmava que “ser enfermeira (o) é atuar na proteção, promoção, recuperação da saúde e prevenção de doenças”.

O Enfermeiro é um ser humano comum como qualquer outro, em todas as suas dimensões, com todas as suas potencialidades e limitações, alegrias e tristezas, frustrações e conquistas. O Enfermeiro deve estar aberto para a vida, pois foi este o compromisso assumido ainda no momento de sua formatura ao destacar no juramento que dizia “ juro dedicar minha vida profissional a serviço da humanidade, respeitando a dignidade e os direito da pessoa humana.

Respeitando a vida desde a concepção até a morte”.

Portanto, ao buscarmos formar ENFERMEIROS devemos prepará-los para um mundo dinâmico, onde as transformações sociais ocorrem a todo instante, que sejam competentes para lidarem com as situações diversas do seu cotidiano profissional.

 

O CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM

O Curso de Graduação em Enfermagem da UNILAGOS tem por MISSÃO formar Enfermeiros habilidosos, inovadores e criativos, com uma visão genuinamente científica. Estes profissionais serão hábeis na relação interpessoal, com valores compatíveis com o ideal e com o código de ética da profissão, além de serem capazes de selecionar de forma criativa e responsável o conjunto de conhecimentos que receberá e aplicá-los no caminho de um Cuidado Humanizado.

Pretende-se oferecer aos futuros profissionais Enfermeiros uma formação generalista que os tornem capacitados para atuarem em todos os níveis de atenção à saúde, com uma visão ampla e global, sendo competentes em reconhecer a realidade e de agir responsavelmente sobre ela, respeitando os princípios éticos / bioéticos e morais, além de acompanhar e participar do desenvolvimento científico com visão crítica, reflexiva e interpretativa, com espírito observador e criativo, aptos ao exercício consciente de sua profissão, bem como capazes de contribuir para o desenvolvimento social.

A sociedade espera do egresso do Curso de Graduação em Enfermagem da UNILAGOS, o desenvolvimento de um conjunto de competências e habilidades que contemplem aspectos éticos, atualização técnica e instrumental articulada com outros ramos do saber, capacidade de análise e domínio de conceitos e da terminologia própria na interpretação e controle dos modelos organizacionais e institucionais públicos ou privados de saúde, dentre outros.

Pretende-se que o humanismo do egresso esteja embasado na incorporação de valores sociais, profissionais e multidisciplinares. O que se pretende neste futuro profissional, é que o mesmo seja capaz de atuar como agente de mudança no ambiente da saúde, de perceber e integrar-se ao desenvolvimento social, político, econômico e cultural, de interagir e contribuir para as decisões necessárias, com respeito à Natureza e mantendo um comportamento condizente ao correto exercício da Cidadania.

O Curso de Graduação em Enfermagem da UNILAGOS orienta-se, de um lado, para formar sólidas competências e, por outro, na medida da educação permanente, preparando o futuro Enfermeiro para enfrentar os desafios das rápidas transformações da sociedade, do mercado de trabalho e das condições do exercício profissional.

Assim, o Curso de Graduação em Enfermagem da UNILAGOS tem como meta contínua um aprendizado de pesquisa teórica e aplicada a uma prática diferenciada, para que os futuros profissionais tenham, além de uma visão estratégica, uma maior preparação para inserção no mercado globalizado, interagindo e provocando modificações necessárias para melhoria nos variados setores da sociedade.

Objetivando colocar o aluno em contato direto com a realidade social do mercado de trabalho do Enfermeiro, serão desenvolvidos Atividades Complementares do primeiro ao quinto períodos letivos contemplando desenvolver através do contato com esta realidade, uma oportunidade de que o aluno vislumbre o seu papel social, junto a comunidade, além do desenvolvimento de pesquisas na área além de outras tendências do mundo globalizado. Também serão realizadas visitas técnicas em instituições públicas e privadas, além de estímulo de forma contínua ao espírito empreendedor do aluno do Curso de Graduação em Enfermagem da UNILAGOS, sempre buscando parcerias e alianças estratégicas.

Finalmente, as ações de aprimoramento profissional do egresso do Curso de Graduação em Enfermagem da UNILAGOS baseiam-se na estratégia de educação durante a vida inteira, uma vez que a ação orienta-se para o estímulo ao espírito investigativo e ao caráter de busca do aperfeiçoamento constante e continuado. Tal conduta torna-se imperativa que ocorra ao longo de toda a carreira do Enfermeiro que estará em constante processo de transformação e crescimento. A educação permanente representa a contínua construção do ser humano, do seu saber e das suas aptidões, assim como da sua faculdade de julgar e agir.

A vida profissional e social oferecerá oportunidades múltiplas de aprendizagem e de atuação transformadora. O potencial educativo das experiências profissionais, das novas tecnologias, das atividades culturais e de lazer, soma-se à base educativa formal indispensável oferecida pela sociedade.

“A Enfermagem é a ciência e a arte de assistir o ser humano no atendimento de suas necessidades básicas; de torná-lo independente desta assistência através da educação; e recuperar, manter e promover sua saúde pela colaboração com outros grupos profissionais”. (Wanda de Aguiar Horta, 1970)”

 

OBJETIVO DO CURSO

Os objetivos do Curso de Bacharelado em Enfermagem da Faculdade Unilagos, indicado nesta proposta curricular, foram estruturados segundo a necessidade de se articular, construir e reconstruir conhecimentos do graduando diante da prática profissional, tendo como foco a humanização do processo de cuidar em enfermagem, proporcionando a vivência de uma práxis profissional e, consequentemente, a construção do perfil proposto.

Foram elaborados os Objetivos Gerais do curso e, consequentemente, estruturados os Objetivos Específicos, no qual através da articulação teoria-prática e interdisciplinaridade proposta no currículo, deverão ser aplicados na sua essência.

1.4.1 Objetivo Geral

  • Compreender a enfermagem como ação social e educativa no processo saúde-doença, constituído à partir das relações sociais, as quais são influenciados por conceitos e princípios do processo saúde-doença e do processo de cuidar;
  • Propiciar o planejamento, execução e avaliação de atividades assistenciais;
  • Possibilitar ao enfermeiro o conhecimento e a compreensão crítica da realidade da saúde brasileira, das suas diferentes influências e implicações, e o papel a desempenhar no processo das mudanças necessárias à melhor qualidade de vida da população;
  • Habilitar o enfermeiro instrumentalizando-o com subsídios técnicos e metodológicos para crítico-reflexiva visando a ação transformadora do contexto social em que está inserido;
  • Promover o desenvolvimento da pesquisa científica, buscando novos conhecimentos da enfermagem mediadores de uma prática interdisciplinar, considerando-se a pluralidade e a diversidade do conhecimento humano.

1.4.2 Objetivos Específicos

A partir dos objetivos gerais, o Curso tem como objetivos específicos levar o educando a:

  1. a) Inserir profissionalmente nos diversos níveis de atenção à saúde, atuando em programas de promoção, manutenção, prevenção, proteção e recuperação da saúde, sensibilizados e comprometidos com o ser humano, respeitando-o e valorizando-o;
  2. b) Atuar multiprofissionalmente, interdisciplinarmente e transdisciplinarmente na promoção da saúde baseada na convicção científica, cidadania e ética;
  3. c) Contribuir para a manutenção da saúde, bem estar e qualidade de vida das pessoas, famílias e comunidade, considerando suas circunstâncias éticas, políticas, sociais, econômicas, ambientais e biológicas;
  4. d) Realizar a sistematização da assistência de enfermagem;
  5. e) Elaborar criticamente as questões clínicas, científicas, filosóficas, éticas, políticas, sociais e culturais implicadas na atuação profissional do enfermeiro, sendo capaz de intervir nas diversas áreas onde esta atuação seja necessária;
  6. f) Desenvolver o senso crítico, investigador e conquistar autonomia pessoal e intelectual necessária para empreender contínua formação na sua práxis profissional;
  7. g) Desenvolver e executar projetos de pesquisa e extensão que contribuam na produção do conhecimento, socializando o saber científico produzido;
  8. h) Exercer sua profissão de forma articulada ao contexto social, entendendo-a como uma forma de participação e contribuição social;
  9. i) Desempenhar atividades de planejamento, organização e gestão de serviços de saúde, além de assessorar, prestar consultorias e auditorias no âmbito de sua competência profissional;
  10. j) Emitir pareceres e relatórios de enfermagem;
  11. k) Prestar esclarecimentos, dirimir dúvidas e orientar o indivíduo e os seus familiares no processo de cuidar;
  12. l) Manter a confidencialidade das informações, na interação com outros profissionais de saúde e a população;
  13. m) Encaminhar o paciente, quando necessário, a outros profissionais relacionando e estabelecendo um nível de cooperação com os demais membros da equipe de saúde;
  14. n) Desenvolver atividades de socialização do saber técnico-científico na sua área de atuação, através de aulas, palestras e conferências, além de acompanhar e incorporar inovações tecnológicas pertinentes à sua práxis profissional;

 

MERCADO DE TRABALHO

Para ser um bom profissional de Enfermagem, é preciso ter amor ao próximo, ética, saber ouvir (comunicação), empatia, liderança, percepção, relacionamentos, respeito, criatividade.

O mercado é promissor. Ao concluir o curso de graduação, sua inserção é imediata. A oferta é maior que a procura, principalmente nas áreas de atuação que estão em alta no mercado, como: atendimento domiciliar, saúde da família, oncologia, obstetrícia, gerência, dentre outras.

É notória a expansão dos campos de trabalho para o enfermeiro, sendo as principais linhas de atuação dentro das áreas:

Aeroespacial, Assistência ao Adolescente, Atendimento Pré-Hospitalar, Banco de Leite Humano, Cardiovascular, Central de Material e Esterilização, Centro Cirúrgico, Clínica Cirúrgica, Clínica Médica, Dermatologia, Diagnóstico por Imagem, Doenças Infecciosas, Educação em Enfermagem, Emergência, Offshore, Estomaterapia, Ética e Bioética, Gerenciamento de Serviços de Saúde, Gerontologia e Geriatria, Ginecologia, Hemo dinâmica, Homecare, CCIH, Nefrologia, Neonatologia, Nutrição Parenteral, Obstetrícia,  Oncologia, Pediatria, Perícia e Auditoria, Psiquiatria e Saúde Mental, Saúde Coletiva, Traumato – Ortopedia, Terapia Intensiva, Terapias Naturais / Tradicionais e Complementares / Não Convencionais, dentre outros.

Atuando como: Enfermeiro Assistencial e Líder de Equipe em instituições hospitalares e unidades básicas de saúde; na direção e coordenação de Unidades Hospitalares, Centro Municipal de Saúde e Unidades Básicas de Saúde, Creche, cursos de Graduação, de Pós-Graduação, de Técnico de Enfermagem, e de Auxiliar de Enfermagem; no ensino profissionalizante para a formação de Técnico e Auxiliar de Enfermagem, ensino de Graduação e Pós-Graduação; em Assessoria, Consultoria e Auditoria de Enfermagem em empresa pública e privada; participando em Comissões, Programas e Projetos de Educação e Saúde; na Investigação Científica; na Vigilância Sanitária; dentre outras.

No mundo globalizado e cada vez mais competitivo, não basta buscar a profissão só porque o mercado está em expansão ou a remuneração é satisfatória, mas sim porque há identificação com a profissão e buscamos ter o perfil de competências que ela nos exige hoje: conhecimento, desenvolvimento de habilidades, atitudes e comportamentos adequados – liderança, empreendedorismo, criatividade, ousadia, espírito de equipe etc.

 

É necessário também que haja atualização, educação permanente.

Precisamos nos capacitar para acompanharmos as novas demandas.


Perfil do Egresso

O Bacharel em Enfermagem, formado pela Faculdade Unilagos, deverá ser um profissional capaz de atuar de maneira coerente na realidade sócio, cultural e política a que estiver inserido trabalhando numa perspectiva de prática reflexiva a fim de que sua intervenção possa resultar positiva no intuito de solucionar os problemas encontrados e decidir autonomamente sua atuação.

Desta forma, a Faculdade Unilagos pretende preparar um profissional generalista de formação abrangente com forte embasamento humanístico e aprofundamento técnico que lhe permita desenvolver as suas potencialidades e ainda permita incentivar a continuidade de seus estudos e aperfeiçoamento profissional na busca da construção e reconstrução dos conhecimentos da área. Que sejam aptos a atuar em todos os níveis de atenção à saúde, com uma visão ampla e global, sendo capazes de reconhecer a realidade e de agir responsavelmente sobre ela, respeitando princípios éticos/bioéticos e morais, além de acompanhar e participar do desenvolvimento científico com visão crítica, reflexiva e interpretativa, com espírito observador e criativo, aptos ao exercício consciente de sua profissão, e capazes de contribuir para o desenvolvimento social.

Este profissional deverá ser identificado por suas competências e habilidades segundo os aprofundamentos possibilitados no curso de formação inicial, diante da interação teoria e prática, entre ensino, pesquisa e extensão, que potencializará a construção de conhecimentos profissionais significativos à realidade de atuação.

Considerando que o enfermeiro é um dos responsáveis pela reintegração do indivíduo na sociedade, o Curso de Bacharelado em Enfermagem da Faculdade Unilagos tem como meta habilitar os futuros egressos para exercer as atribuições e prerrogativas previstas pela legislação pertinente, dentro de parâmetros éticos.

De fato, a sociedade espera, de um lado, do egresso do curso de bacharelado em Enfermagem, o desenvolvimento de um conjunto de competências e habilidades que contemplem aspectos éticos, atual técnica e instrumental articulada com outros ramos do saber, capacidade de análise e domínio de conceitos e da terminologia própria na interpretação e controle de relacionados com os modelos organizacionais e institucionais públicos ou privados de saúde, dentre outros.

Pretende-se que o humanismo do egresso esteja embasado na incorporação de valores sociais, profissionais e multidisciplinares. O que se quer é que o futuro profissional seja capaz de atuar como agente de mudança no ambiente da saúde, de perceber e integrar-se ao desenvolvimento social, político, econômico e cultural regional, de interagir e contribuir para a tomada de decisão hospitalar/médica/ambulatorial, mantendo uma postura ética, o respeito à Natureza e um comportamento condizente ao correto exercício da cidadania.

Nestas circunstâncias, o curso orienta-se, de um lado, para formar sólidas competências e, por outro, na medida da educação permanente, preparando o futuro graduado para enfrentar os desafios das rápidas transformações da sociedade, do mercado de trabalho e das condições do exercício profissional.

Assim, o curso tem como meta contínua um aprendizado de pesquisa teórica e aplicada a uma prática diferenciada, para que os futuros profissionais tenham, além de uma visão estratégica, uma maior preparação para inserção no mercado globalizado, interagindo e provocando modificações necessárias para melhoria nos variados setores da sociedade.

Por meio das ações idealizadas no Projeto Pedagógico do Curso de Bacharelado em Enfermagem, a Faculdade Unilagos se propõe a formar profissionais com as seguintes Competências e Habilidades a serem Desenvolvidas pelo Egresso:

  • Atuar profissionalmente, compreendendo a natureza humana em suas dimensões, em suas expressões e fases evolutivas;
  • Incorporar a ciência/arte do cuidar como instrumento de interpretação profissional;
  • Estabelecer novas relações com o contexto social, reconhecendo a estrutura e as formas de organização social, suas transformações e expressões;
  • Desenvolver formação técnico-científica que confira qualidade ao exercício profissional;
  • Compreender a política de saúde no contexto das políticas sociais, reconhecendo os perfis epidemiológicos das populações;
  • Reconhecer a saúde como direito e condições dignas de vida e atuar de forma a garantir a integralidade da assistência, entendida como conjunto articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de complexidade do sistema;
  • Atuar nos programas de assistência integral à saúde da criança, do adolescente, da mulher, do adulto e do idoso;
  • Ser capaz de diagnosticar e solucionar problemas de saúde, de comunicar-se, de tomar decisões, de intervir no processo de trabalho, de trabalhar em equipe e de enfrentar situações em constante mudança;
  • Reconhecer as relações de trabalho e sua influência na saúde;
  • Atuar como sujeito no processo de formação de recursos humanos
  • Responder às especificidades regionais de saúde através de intervenções planejadas estrategicamente, em níveis de promoção, prevenção e reabilitação à saúde, dando atenção integral à saúde dos indivíduos, das famílias e das comunidades;
  • Reconhecer-se como coordenador do trabalho da equipe de enfermagem;
  • Assumir o compromisso ético, humanístico e social com o trabalho multiprofissional em saúde.
  • Promover estilos de vida saudáveis, conciliando as necessidades tanto dos seus clientes/pacientes quanto às de sua comunidade, atuando como agente de transformação social;
  • Usar adequadamente novas tecnologias, tanto de informação e comunicação, quanto de ponta para o cuidar de enfermagem;
  • Atuar nos diferentes cenários da prática profissional, considerando os pressupostos dos modelos clínico e epidemiológico;
  • Identificar as necessidades individuais e coletivas de saúde da população, seus condicionantes e determinantes;
  • Intervir no processo de saúde-doença, responsabilizando-se pela qualidade da assistência/cuidado de enfermagem em seus diferentes níveis de atenção à saúde, com ações de promoção, prevenção, proteção e reabilitação à saúde, na perspectiva da integralidade da assistência;
  • Coordenar o processo de cuidar em enfermagem, considerando contextos e demandas de saúde;
  • Prestar cuidados de enfermagem compatíveis com as diferentes necessidades apresentadas pelo indivíduo, pela família e pelos diferentes grupos da comunidade;
  • Compatibilizar as características profissionais dos agentes da equipe de enfermagem às diferentes demandas dos usuários;
  • Integrar as ações de enfermagem às ações multiprofissionais;
  • Gerenciar o processo de trabalho em enfermagem com princípios de Ética e de Bioética, com resolutividade tanto em nível individual como coletivo em todos os âmbitos de atuação profissional;
  • Planejar, implementar e participar dos programas de formação e qualificação contínua dos trabalhadores de enfermagem e de saúde;
  • Planejar e implementar programas de educação e promoção à saúde, considerando a especificidade dos diferentes grupos sociais e dos distintos processos de vida, saúde, trabalho e adoecimento;
  • Desenvolver, participar e aplicar pesquisas e/ou outras formas de produção de conhecimento que objetivem a qualificação da prática profissional;
  • Respeitar os princípios éticos, legais e humanísticos da profissão;
  • Interferir na dinâmica de trabalho institucional, reconhecendo-se como agente desse processo;
  • Utilizar os instrumentos que garantam a qualidade do cuidado de enfermagem e da assistência à saúde;
  • Participar da composição das estruturas consultivas e deliberativas do sistema de saúde;
  • Assessorar órgãos, empresas e instituições em projetos de saúde;
  • Cuidar da própria saúde física e mental e buscar seu bem-estar como cidadão e como enfermeiro;
  • Reconhecer o papel social do enfermeiro para atuar em atividades de política e planejamento em saúde.

Finalmente, as ações de aprimoramento profissional do egresso do Curso de Bacharelado em Enfermagem da Faculdade Unilagos baseiam-se na estratégia de educação durante a vida inteira, uma vez que a ação orienta-se para o estímulo ao espírito investigativo e ao caráter de busca do aperfeiçoamento constante e continuado. Tal conduta torna-se algo que ocorre ao longo de toda a carreira do indivíduo que está em constante processo de transformação e crescimento. A educação permanente representa a contínua construção do ser humano, do seu saber e das suas aptidões, assim como da sua faculdade de julgar e agir. A vida profissional e social oferecerá oportunidades múltiplas de aprendizagem e de atuação transformadora. O potencial educativo das experiências profissionais, das novas tecnologias, das atividades culturais e de lazer, soma-se à base educativa formal indispensável oferecida pela sociedade.


Modalidade:

Bacharelado

Titulação:

Bacharel em Enfermagem

Carga Horária/Duração:

10 Semestres | 4.000 horas

Turno

Matutino/Noturno

Área de Formação:

Ciências da Saúde

Valor do Investimento
R$ 1.368,46
Coordenação
GUSTAVO BORGES DE OLIVEIRA

Prof. Gustavo Borges De Oliveira, Esp.

Docentes

Alessandra Tosta dos Santos

Mestre

Alessandra Veselich Barros

Ana Polycarpa de A. Marinho Carvalho

Andreza Gonçalves Vieira Amaro

Mestre

Daiana Lima Almada

Mestre

Diego Guerra de Almeida

Mestre

Gabryella Vencionek

Especialista

Izilda Maria Nunes Amaro de Souza

Mestre

Jéssica Carla Marques Rodrigues da Silva

Mestre

Julio Cesar Quintanilha Peres dos Santos

Mestre

Kamille Lima de Bragança Seabra

Especialista

Karolina de Araujo Barbeiro Moura Salim

Mestre

Luana Ferreira

Especialista

Marcelo de Lemos Gonçalves Lassada

Mestre

Patricia Dias Barreto Marinho

Mestre

Penha Regina Valentin Lima Araújo

Mestre

Quivia de Oliveira da silva

Especialista

Rita de Cássia de Oliveira Glória

Especialista

Simone Grativol Marchon

Zenair Simião Barbosa de Carvalho

Mestre
Matriz Curricular

História E Ética Da Enfermagem 80h
Estudo Da Linguagem E Produção De Textos 40h
Biologia Para As Ciências Da Saúde 80h
Bioestatistica 80h
Morfofisiologia I 120h

Introdução À Psicologia 80h
Introdução Á Ciências Da Saúde 40h
Metodologia Da Pesquisa 40h
Bioquímica 80h
Biofísica Geral 40h
Morfofisiologia II 120h

Introdução Á Tecnologia Da Informação 40h
Microbiologia Geral 80h
Histologia E Embriologia 80h
Epidemiologia 80h
Enfermagem E Saúde na Comunidade 80h
Enfermagem Saúde E Trabalho 40h
Disciplina Optativa I 40h

Parasitologia Básica 80h
Imunologia Básica 40h
Farmacologia 80h
Genética 40h
Enfermagem E As Ciências Humanas E Sociais E Cultura Afro-Brasileira 80h
Processo Do Cuidar I 80h

Didática Aplicada Á Enfermagem 40h
Processos Patológicos Gerais 80h
Enfermagem Nas Práticas Complementares De Saúde 80h
Introdução à Nutrição E Dietética 40h
Introdução à Administração Em Serviços De Enfermagem 40h
Processo Do Cuidar II 80h
Disciplina Optativa II 40h

Gerenciamento Do Trabalho De Enfermagem Em Serviço Básico 80h
Enfermagem Em Urgência E Emergência 80h
Enfermagem Em Centro Cirúrgico E Centro De Material 80h
Atenção A Saúde Mental 80h
Processo Do Cuidar III 80h

Enfermagem Psiquiátrica 80h
Gerenciamento Do Trabalho De Enfermagem Em Serviço Hospitalar 80h
Enfermagem Na Atenção À Saúde Da Criança E Do Adolescente I 80h
Enfermagem Na Atenção À Saúde Do Adulto I 80h
Enfermagem Na Atenção À Saúde Da Mulher E Do Recém Nato I 80h

Enfermagem Oncológica 80h
Enfermagem Na Atenção À Saúde Da Criança E Do Adolescente II 80h
Enfermagem Na Atenção À Saúde Do Adulto II 80h
Enfermagem Na Atenção À Saúde Da Mulher E Do Recém Nato II 80h
Enfermagem Na Atenção À Saúde Do Idoso 80h

Estágio Supervisionado Integralizado Em Enfermagem Na Saúde Pública 432h
Trabalho De Conclusão De Curso I 40h

Estágio Supervisionado Integralizado Em Enfermagem No Serviço Hospitalar 432h
Trabalho De Conclusão De Curso II 40h
  • Contato

    ouvidoria@faculdadeunilagos.edu.br


  • Endereço

    Rua Baster Pilar n° 500 - Parque Hotel/ Araruama.


  • Telefones

    (22) 99909-0644
    0800 042 0248


  • Social
Banner-semtexto
Conheça nossa
infraestrutura
Conheça nossa
infraestrutura
Conheça nossa
infraestrutura
Accessibility